domingo, 4 de setembro de 2011

Lançamento do livro "Histórias abandonadas" de Luís André Nepomuceno


No próximo sábado, dia 10 de setembro, às 20 h, acontecerá no saguão do Teatro Municipal da cidade de Patos de Minas (MG), o lançamento do quarto livro de ficção do escritor Luís André Nepomuceno, o Histórias abandonadas (contos, 2011, 7Letras). 

Luís André é natural de Patos. Como ficcionista é autor ainda de Antipalavra (contos, 2004), A lanterna mágica de Jeremias (romance, 2005) e Os anões (novela, 2009), todos editados pela 7Letras. Atua também como ensaísta, tendo publicado vários dos seus trabalhos em  periódicos nacionais e internacionais. Um dos seus interesses temáticos principais na  academia concentra-se nas áreas do Arcadismo e do Renascimento. Para o estudo e a pesquisa nesses âmbitos, já ofereceu contribuição importante, sobretudo no que concerne à obra (e às suas influências na produção poética árcade e renascentista) do italiano Petrarca. Publicou "A musa desnuda e o poeta tímido: o petrarquismo na Arcádia Brasileira" (Annablume, 2002), "Petrarca e o Humanismo" (EDUSC, 2008) e a tradução para o português da biografia de Petrarca escrita por Ugo Dotti, "Vida de Petrarca" (Unicamp, 2006). 

Presentemente, Luís André Nepomuceno é professor de literatura brasileira e literaturas de língua inglesa no Centro Universitário de Patos de Minas, UNIPAM. Também coordena o Núcleo de Editoria e Publicações (NEP), na mesma instituição, e é editor da Revista Alpha, periódico do curso de Letras (UNIPAM) destinado à publicação de trabalhos acadêmicos na área das humanidades. Divide seu tempo ainda, com a composição literária, que já se faz criativa, profunda, sensível e madura.

Portanto, professor, ensaísta, editor, mas sobretudo, escritor, Luís André Nepomuceno enriquece a produção literária patense, mineira e, principalmente - como certa vez considerou o crítico literário Fábio Lucas -, brasileira, neste próximo final de semana, lançando o livro Histórias abandonadas. Não percam!

2 comentários:

Christiane Rocha disse...

Oi Bruna,

fico feliz demais por esta realização do nosso mais que querido mestre Luís André. Desde já desejo todo sucesso do mundo a ele.

Interessante você dispor um link c/ a entrevista de alguém de peso acadêmico, ótima a sua iniciativa!

Queria você aqui pra ir comigo ao lançamento do livro... (snif, snif)<:-(

Grande abraço,
Chris.

Bruna disse...

Chris,

também para mim é uma alegria essa mais recente realização do Luís André. Igualmente desejo sucesso a ele.

Sobre a disponibilização da entrevista, devo todo meu agradecimento ao Lívio, quem teve a ótima ideia de fazer o bate-papo.

Chris, certamente se eu estivesse aí, iria contigo no lançamento. Snif! Fica para próxima ou próximo.

Um abração apertado.